728

Prefeitura renova parceria com Hospital Albert Einstein e amplia área de especialização

Share:

Serviço agora conta com médico infectologista adulto e endocrinologista pediátrico disponível de forma gratuita

Porto Velho, RO - Com o objetivo de fortalecer os serviços de saúde à população, a Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), renovou a parceria com o Hospital Albert Einstein, de São Paulo, ampliou a área de especialização e o serviço de telemedicina, na capital.

A renovação do contrato também chegou com uma novidade: a partir de agora, a Semusa conta com o serviço de endocrinologia pediátrica, para atender crianças de 0 a 12 anos, e infectologista adulto para pessoas com idade acima de 12 anos. As especialidades são oferecidas de forma gratuita.

Segundo a titular da Semusa, Eliana Pasini, a ampliação do serviço faz parte de uma série de ações desenvolvidas pela Secretaria Municipal de Saúde que tem o objetivo de fortalecer a saúde da capital.

“Estamos levando o serviço para mais perto das pessoas, para quem mora distante do centro ter acesso às consultas médicas com especialista de maneira facilitada. A renovação com o Hospital Albert Einstein foi mais um avanço e ainda melhor, agora com o serviço de endocrinologia pediátrica”, frisa a secretária.


Capital conta com sete postos de atendimento distribuídos entre a zona urbana e rural

Para o diretor do Departamento de Avaliação, Regulação e Controle (DRAC), da Semusa, Helison Ribeiro, o novo serviço que passa a ser oferecido é um avanço para a saúde de Porto Velho, e quem ganha é a população.

“Antes essa especialidade de endocrinologista era oferecida apenas pelo Governo do Estado, como estabelecia o Ministério da Saúde, mas com objetivo de melhorar o serviço de saúde municipal, a Semusa agarrou essa missão para diminuir a fila de espera dos pacientes e garantir uma saúde melhor”, destaca Helisson.

Como buscar atendimento?

O serviço de telemedicina é oferecido gratuitamente para qualquer pessoa. Para ser atendido, o paciente, que precisa passar por consulta com um dos especialistas disponíveis, deve procurar a unidade de saúde mais próxima de sua casa para realizar o agendamento.

Após isso, o paciente será encaminhado para um dos sete pontos de telemedicina disponíveis em Porto Velho, como:

Centro de Especialidades Médicas (CEM)
USF Maurício Bustani
USF José Adelino
USF Areal da Floresta
Distrito de Extrema
USF União Bandeirantes
Distrito de Jaci-Paraná


A telemedicina em Porto Velho contempla diversas especialidades

A consulta via telemedicina é fornecida pela Semusa desde março de 2022, em parceria com o Hospital Albert Einstein. Desde a implantação, o serviço já beneficiou mais de 4 mil pacientes.

Como funciona?

O paciente que se enquadra nos requisitos necessários é atendido por um médico especialista através de videoconferência. Para participar dessa consulta, o cidadão deve se dirigir até a unidade de saúde onde ele será atendido.

Além do médico especialista ao vivo na tela, o paciente conta com a presença de um médico da unidade que participa da consulta, responsável por sanar possíveis dúvidas, fazer encaminhamentos, prescrever receitas ou solicitar exames, entre outros.

Até o ano passado, o serviço da telemedicina contava com sete especialidades, agora o número foi ampliado para nove, sendo as seguintes:

Cardiologia
Endocrinologia
Endocrinologia pediátrica (nova especialidade)
Neurologia adulto
Neuropediatria
Pneumologia
Psiquiatria
Reumatologia
Infectologia Adulto (nova especialidade)



Fonte: Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Nenhum comentário