Assembleia da Petrobras desta quinta dará palavra final sobre dividendos e definirá novos conselheiros - RONDONIA 319

728

Assembleia da Petrobras desta quinta dará palavra final sobre dividendos e definirá novos conselheiros

Share:

Como tema principal, o colegiado deve discutir sobre a proposta de distribuição de 50% dos dividendos extraordinários

Porto Velho, RO - O Conselho de Administração da Petrobras se reúne, nesta quinta-feira 25, na Assembleia Geral dos Acionistas, para decidir sobre a proposta de redistribuição de 50% dos dividendos extraordinários. Uma votação realizada em março reteve a distribuição dessa parcela do lucro da empresa, que excede o mínimo obrigatório, repartida entre os acionistas.

Conforme o estatuto da companhia, a Petrobras não tem obrigação de redistribuir os dividendos extraordinários.

A votação, no entanto, causou polêmica entre acionista, mercado financeiro e governo federal. À época, as ações da Petrobras despencaram 10% na bolsa de valores brasileira em um único dia.

A intenção do governo era de gerar um caixa de contingência e passar para o mercado uma imagem de robustez, que ajudaria na busca de financiamento para investimentos.

O mercado, porém, interpretou o represamento dos pagamentos como uma menor atratividade para acionistas, o que fez as ações despencarem naquela ocasião.

Uma nova reunião do Conselho de Administração, realizada na última sexta-feira 19, pontuou que a capacidade de financiamento de projetos da empresa subiu de 65% para 85%, o que permitiria a redistribuição dos dividendos extraordinários sem prejudicar a sustentabilidade financeira da Petrobras. A palavra final será dada nesta quinta-feira.

Nessa mesma Assembleia de Acionistas serão também definidos os novos integrantes do Conselho da estatal. Em março, a União, principal acionista da estatal, anunciou o nome de oito indicados pelo governo ao Conselho de Administração. A votação das indicações será feita na reunião desta quinta.

Os nomes indicados pelo governo são:

Pietro Abramo Sampaio Mendes, presidente do Conselho de Administração;
Jean Paul Prates, presidente da empresa;
Benjamin Alves Rabello Filho;
Rafael Dubeux, atual secretário-executivo adjunto do Ministério da Fazenda;
Bruno Moretti;
Ivanyra Maura de Medeiros;
Renato Campos Galuppo;
Vitor Saback.

Fonte: Carta Capital

Nenhum comentário