728

Morreu Shigeichi Negishi, inventor do karaokê, aos 100 anos

Share:
O karaokê surgiu através de uma "epifania", após um engenheiro da empresa de eletrônica que Shigeichi Negishi dirigia, em 1967, o ter ouvido cantar e lhe ter dito que não era muito bom

Porto Velho, RO - Shigeichi Negishi, inventor do karaokê, morreu aos 100 anos. A morte ocorreu a 26 de janeiro, após uma queda, mas só agora foi divulgada. O empresário japonês foi a primeira pessoa a automatizar e a comercializar o karaokê, há mais de 50 anos, quando a sua máquina 'Sparko Box' foi colocada à venda.

"Adeus a outra lenda: Shigeichi Negishi, inventor do karaokê, morreu aos 100 anos. Ao automatizar o canto, ganhou a inimizade dos artistas que viam a sua máquina como uma ameaça aos seus empregos. É um precursor assustador do debate em torno do impacto da Inteligência Artificial nos artistas de hoje", anunciou o escritor Matt Alt, que, em 2018, entrevistou o empresário para o seu livro 'Pure Invention: How Japan Made the Modern World'.

Segundo Alt, citado pela Sky News, o karaokê surgiu através de uma "epifania", após um engenheiro da empresa de eletrónica que Negishi dirigia, em 1967, o ter ouvido cantar e lhe ter dito que não era muito bom.

Na época, Negishi, com 43 anos, pensou: "Se ao menos pudessem ouvir a minha voz com uma faixa de apoio". Criou então a 'Sparko Box', a primeira máquina de cantar conhecida.

No entanto, a invenção do karaokê tem sido creditada ao músico japonês Daisuke Inoue, que lançou a caixa '8 Juke' em 1971,

Negishi vendeu cerca de oito mil 'Sparko Boxes' em todo o Japão, mas abandonou o negócio em 1975, após ter "cansado do conflito com os músicos e da rotina de vendas e manutenção porta-a-porta".

Fonte: Notícias ao Minuto

Nenhum comentário