728

Ex-militar do Exército é preso por matar travesti com facão em Porto Velho

Share:

Helen Roma foi morta com golpes de facão em Porto Velho em fevereiro. Suspeito mora no Acre e viajou até Rondônia para matá-la

Porto Velho, RO - Um ex-militar do Exército foi preso durante uma operação, nesta terça-feira (12), apontado como o principal suspeito de ter matado a travesti Helen Roma. O crime ocorreu em fevereiro, na cidade de Porto Velho.

Segundo a Delegacia de Homicídios (1ª DERCV), que conduziu a investigação, o suspeito é do Acre e no mês passado viajou até Rondônia para matar Helen. Ele usou um facão para golpear a vítima, que não resistiu aos ferimentos.

A investigação iniciada pela Polícia Civil em fevereiro levou os agentes até o ex-militar, com residência em Porto Acre, a 20 quilômetros de Rio Branco. Nesta terça-feira, os policiais de Porto Velho foram até o estado vizinho e prenderam o suspeito (o nome dele não foi divulgado).

De acordo com a Polícia Civil, o ex-militar é meticuloso e sempre tentava evitar câmeras de segurança para não ser identificado ou relacionado ao assassinato de Helen Roma.

Fonte: G1

Nenhum comentário