728

Ativista lança petição para retirar estátua de homenagem a Daniel Alves

Share:

Escultura do jogador em Juazeiro já foi vandalizada por diversas ocasiões

Porto Velho, RO - Logo após a saída de Dani Alves da prisão mediante o pagamento de uma fiança de um milhão de euros (equivalente a cerca de 4,5 milhões de reais), as críticas sobre o caso de violação que levaram o jogador brasileiro à detenção ganharam mais destaque, e a estátua localizada em Juazeiro, na Bahia, voltou a ser alvo de contestação nesta sexta-feira.

A ativista Manuella Tyler Medrado concedeu declarações à EFE sobre o assunto e lançou uma petição para a retirada da escultura, enfatizando que a presença daquela figura (muitas vezes vandalizada nos últimos meses) após toda a polêmica, questiona o "valor e a dignidade da mulher".

"Ela afirmou: 'Precisamos construir uma sociedade onde a cultura do estupro não seja normalizada. Isso não pode acontecer. Os crimes sexuais devem ser repudiados. A permanência da estátua coloca em questão o valor e a dignidade das mulheres e isso não pode continuar assim'", foram suas palavras citadas pelo Marca.

Vale ressaltar que as acusações de agressão sexual remontam a dezembro de 2022, em uma discoteca em Suton, o que levou à detenção de Dani Alves por 14 meses. Ele acabou por recorrer a uma pena de quatro meses e meio para sair em liberdade mediante o pagamento da fiança de um milhão de euros, supostamente com a ajuda de amigos.

Fonte: Notícias ao Minuto

Nenhum comentário