728

Funcionários do BC convocam paralisação para dia de reunião do Copom

Share:

Entre as reivindicações de sindicato do BC, estão bônus por produtividade, reajuste e exigência de nível superior para cargo técnico

Porto Velho, RO - O Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central (BC) convocou uma paralisação de 24 horas para quarta-feira (13/12), dia em que o Comitê de Política Monetária (Copom) da instituição anunciará a taxa de básica de juros (Selic).

A reunião do Copom começa na terça-feira (12/12) e dura dois dias. O anúncio da taxa de juros, atualmente em 12,25% do ano, está programado para o início da noite de quarta-feira.

O sindicato dos funcionários do BC convocou o início da paralisação a partir das 14h30.

Entre as reivindicações dos funcionários da autoridade monetária, estão bônus por produtividade, reajuste na remuneração, exigência de nível superior para cargo técnico e mudança de nome do cargo de analista para auditor.

Em nota, o sindicato afirma que o movimento começou em julho deste ano e, desde então, não vem recebendo atenção por parte do governo – com quem o grupo se reuniu no dia 5 de dezembro.

“Na ocasião, o encontro foi marcado pelo endurecimento do Executivo mesmo em relação às demandas não salariais dos servidores do BC, sem impacto no orçamento federal”, diz o documento.

De acordo com o sindicato do BC, a dificuldade em avançar nas negociações tem levado à “paralisação em um órgão de Estado importante para a economia, como o Banco Central, além dos prejuízos que já vem colhendo com a greve dos auditores fiscais da Receita Federal”.

Caso o impasse continue, o movimento não descarta a entrega de cargos comissionados e a indicação de greve por tempo indeterminado.

Fonte: Metropoles

Nenhum comentário