Projeto "Ouvidoria Presente" leva escuta especializada a Itapuã do Oeste em outubro - RONDONIA 319

728

Projeto "Ouvidoria Presente" leva escuta especializada a Itapuã do Oeste em outubro

Share:

Um dos casos que chamou a atenção foi levado à Ouvidoria por uma criança de apenas 11 anos

Porto Velho, RO - A terceira edição do projeto "Ouvidoria Presente" está confirmada para acontecer na quinta-feira (19/10) em Itapuã do Oeste, a partir das 9h, na Câmara de Vereadores local. A população de Itapuã terá acesso aos serviços da Ouvidoria do Ministério Público de Rondônia (MPRO), podendo levar demandas e reclamações sobre variados temas.

Com escuta especializada e humanizada, membros e servidores voluntários do MPRO ficarão durante todo o dia à disposição da comunidade recebendo reclamações, denúncias e sugestões nas áreas de acessibilidade, direito do consumidor, de crimes sexuais, violência contra as mulheres e público LGBT+, nas áreas da educação, infância e juventude, pessoas idosas, pessoas com deficiência, preconceito e racismo, execução penal, corrupção e patrimônio público, meio ambiente, urbanismo e patrimônio cultural, saúde, segurança pública, serviços públicos e pendências em geral.

A Ouvidora-Geral do MPRO, Promotora de Justiça Andréa Luciana Damacena Ferreira Engel, que coordena o projeto, destaca que em todas as edições o “Ouvidoria Presente” teve como foco aproximar o Ministério Público dos rondonienses, indo pessoalmente até o encontro da comunidade em locais distantes dos grandes centros.

Edições anteriores — O projeto "Ouvidoria Presente" realizou cerca de 80 atendimentos durante os dias 30 e 31 de agosto no distrito de Jaci-Paraná. A procura correspondeu às expectativas, visto que houve grande movimentação de moradores tanto para atendimentos quanto para receber orientações sobre seus direitos.

Um dos casos que chamou a atenção foi levado à Ouvidoria por uma criança de apenas 11 anos. O menino reclamou que a rua da casa onde mora precisa de manutenção, pois está em péssimas condições.

Já a primeira edição do projeto levou escuta especializada gratuita aos moradores de Candeias do Jamari, nos dias 29 e 30 de junho, onde a Instituição repassou aos cidadãos orientações sobre seus direitos básicos e ouviu denúncias de forma ativa e sensível.

Fonte: MP/RO

Nenhum comentário