728

Ordem de serviço é assinada para construção de Hospital no município de Guajará-Mirim

Share:

A empresa responsável tem o prazo previsto de 12 meses para a execução e entrega do prédio

Porto Velho, RO -  A assinatura da ordem de serviço para o início da obras de finalização, readequação e ampliação do novo Hospital de Guajará-Mirim foi realizada pelo Governo do Estado de Rondônia, neste final de semana. A empresa responsável tem o prazo previsto de 12 meses para a execução e entrega do prédio.

Mais de 10 empresas manifestaram interesse no processo licitatório, que incluiu avaliações de pré-requisitos, aspectos técnicos e também esclarecimentos de dúvidas gerais dos licitantes. Na sexta-feira, (6), o Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos – Unops, especializado em infraestrutura e responsável pela licitação, encaminhou à Secretaria de Estado da Saúde – Sesau, o pedido de autorização para adjudicação da empresa selecionada, processo que permite e assinatura do contrato.

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, o governo vai concentrar os esforços para que todas as etapas sejam cumpridas. “O hospital em Guajará-Mirim é uma obra esperada há muito tempo pelos moradores, estamos investindo de acordo com a necessidade da população, estamos cientes das dificuldades enfrentadas na região, mas iremos conseguir ofertar uma assistência de Saúde mais ampla”, ressaltou.

O titular da Secretário de Estado da Saúde – Sesau, destacou que o sonho tão esperado pela população de Guajará-Mirim, vai se tornar realidade.

DO PRAZO

Depois da assinatura do contrato pelo UNOPS e a empresa vencedora da licitação, vai começar a contar o prazo de 10 meses para a finalização da obra. O Hospital de Guajará-Mirim terá uma área total de 4.674 metros quadrados, com 50 leitos para adultos e 12 leitos pediátricos, além de 2 consultórios, 3 salas para parto normal e 2 salas para cirurgias e atendimento de emergência.

UNOPS

O UNOPS é um organismo internacional das Nações Unidas, especializado em projetos de infraestrutura e possui um acordo de cooperação técnica com a SESAU, cujo objetivo é o fortalecimento da saúde pública do estado de Rondônia. O acordo inclui, entre outras entregas, a finalização do Hospital de Guajará-Mirim e a conclusão do Centro de Medicina Tropical de Rondônia – Cemetron.

Nenhum comentário