728

Mauro Cid vai citar generais que atuaram no governo Bolsonaro em delação

Share:

Generais Augusto Heleno e Luiz Eduardo Ramos estão na lista

Porto Velho, RO - O tenente-coronel Mauro Cid vai citar militares que participaram do núcleo do governo de Jair Bolsonaro, informa a jornalista Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo.

O general Augusto Heleno foi chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do governo de extrema direita de Bolsonaro e o general Luiz Eduardo Ramos, ex-ministro da Secretaria-Geral da Presidência.

De acordo com pessoas familiarizadas com as tratativas de colaboração de Cid, ele deve citar também os generais Eduardo Pazuello e Braga Netto, e um outro general da reserva.

Mas o ex-ajudante de ordens não deve citar militares da ativa em seu depoimento, mesmo diante do fato de golpistas do 8/1 terem permanecido por longo tempo acampados no QG da força por um longo tempo. Ele vem afirmando que o Exército barrou qualquer tentativa de estímulo a uma intervenção militar no processo político.

Mauro Cid fez acordo de delação premiada com a Polícia Federal. No último sábado (9), o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, homologou a delação premiada do tenente-coronel.

Fonte: Brasil247

Nenhum comentário